Belém: Carrefour confirma operação na Augusto Montenegro

Em nota publicada nesta quinta no jornal o Liberal, foi confirmado pelo Cartório Chermont ( leia-se Zeno Veloso ), a compra de 70.000m2 em uma área n Avenida Augusto Montenegro, perto do Grêmio Literário Português pela rede francesa. 

O Carrefour tenta há muito entrar no mercado paraense que tem uma das mais altas rentabilidades por metro quadrado de loja do Brasil e uma baixa concorrência, ao se considerar a concentração do setor supermercadista em 04 grupos. 

A aposta em uma loja já perto de Icoaraci foi a opção de área encontrada para uma operação de um Atacadão - Isso mesmo, o Carrefour aqui,, deve chegar com outro nome e aposta . O tamanho é fundamental para hipermercados e é algo difícil de conseguir em uma cidade quase ilha, em função do desenho penissular. 


Segundo o jornal, a loja deve operar já em 2013 e pode dar um susto nos grupos locais, porque para fazer a diferença, a política de preços deve ser agressiva. Mais que isso, pode ser o tempero que faltava para outros concorrentes como Wall Mart, Casas Bahia/Ponto Frio e mesmo o Pão de Açúcar ( também pertencente ao Carrefour ) sairem do projeto para a realidade. 


Um desses grupo pode estar negociando o espaço usado pela Computer Store na BR-316. A empresa já deixou o local e nos bastidores corre a bolsa de apostas para saber quem vai chegar. 


O Pará é sedente de consumo, as coisas aqui custam caro demais se comparadas com outros mercados e esse ingrediente de mercado maior e margem maior é como música para os ouvidos do varejo .
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

1 comentários:

Clique aqui para comentários
Erick Costa
admin
10:40 PM ×

Fico impressionado com as informações errôneas divulgadas nos meios de comunicação de Belém. O maior acionista do grupo Pão de Açucar é o grupo francês Casino, um dos maiores concorrentes mundiais do Carrefour. Além disso, a notícia foi publicada no Jornal O Liberal, como a primeira loja da região norte. O Carrefour possui três lojas em Manaus a mais de 10 anos.

Checar as fontes é fundamental...

Parabéns Erick Costa.
Responder
avatar
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário